O alquimista

NEM TRANSMUTAÇÃO DE METAIS NEM ELIXIR DA LONGA VIDA - A PEDRA FILOSOFAL AO PODER

domingo, março 11, 2007

A COCA-COLA, A PIPOCA E A BICICLETA










Quando tinha 6 anos o meu pai ensinou-me a andar de bicicleta. Depois, quando lhe pedi que me comprasse uma, disse que não, que era perigoso, podia partir a cabeça...
Não percebi!
Como já devem ter notado, desde há algum tempo nos cinemas da cadeia LUSOMUNDO, os bilhetes são comprados no mesmo balcão onde se vendem as Pipocas e a Coca-Cola.
Estratégia de marketing, naturalmente. Mau gosto, evidentemente.
Depois, lá dentro, na sala, é o que se sabe. O barulho dos roedores a ensurdecer-nos as orelhas, a Cola entornada pelo chão com o açucar a colar-se às solas dos sapatos... e não só.
Hoje, vão beber uma Cola e comer umas Pipocas e, já que estão ali, aproveitam e vêem uma fita. E, solidários, fazem-nas também...
Da última vez que fui ao cinema, achei piada ao que vi no início da projecção. Um desenho animado, por sinal bem construído, instruía os assistentes quanto às boas maneiras para beber a Cola e comer as Pipocas...
Percebo!

5 Comments:

  • At 12:31 da manhã, Blogger MJ said…

    Boa noite, doce Alquimista:-)

    Tenho exactamente a mesma opinião sobre o "consumo" de bebidas e pipocas dentro das salas de cinema. :-)

    Quanto ao filmezinho que é passado no início da sessão... bem... é, de facto delicioso :-) Mas será eficazmente "educativo"?

    Apenas uma tentativa de minimizar "estragos"... não evitá-los!

    It's a business world!

    Beijo doce*

     
  • At 11:46 da manhã, Blogger Maria Velho said…

    Bom dia Lindo Alquimista

    Pois é! É dificil sermos portugueses, europeu pseudo-informados e importarmos toda a porcaria das cadeias norte -americanas( e não estou a falar do cinema-só!).Mas, por outro lado ao preço que está uma sessão, tirando a 2ª feira(3,5€) uma família de 5 pessoas (gasta em média 20 €) que vá ao cinema , poderia muito bem comprar um DVD,mas a sensação não é minimammente aprocximada ao prazer de ir ao cinema, não terão o direito de ruminar umas pipoquitas e beber uns copitos-presumo que sejam só de coca-cola?...porque a avaliar pela outra falta de civismo demonstrada:falarem alto, atenderem telemóveis, levarem crianças de colo que de 15m em 15m querem fazer xi-xi,pendurarem os enormes pés nos braços da cadeira em que estamos, dar pontapés ao rito de um qualquer cd de música passado no Indústria...chego a sentir que comerem as ditas pipocas é de menos importância.
    Conclusão: o problema não é das pipocas(só as compra quem quer), ,nem as coca.colas, nem os telemóveis ligados... o grande problema é que ainda estamos muito longe de saber diferenciar uma atitude de civismo do nosso direito a fazer o que nos apetece.
    Hoje vou ver Notes of a Scandle..quer vir...mas não lhe compro a bicicleta pq. , como não sei andar, acho muito perigoso e quanto ás pipocas convenço-o a comer um chocolatinho, uns Maltesers,mascar um chiclete de mentol--não faz lixo, não engordura o ambiente e sobretudo não contribui para a nova empresa de diversões das pipoqueiras e afins norte-americanices( os chocolates serão da Regina, os Maltesesres são da UE e a chiclete pode ser gorila.)

    Beijo inodoro( o das pipocas é agoniante)

     
  • At 11:46 da manhã, Blogger alquimista said…

    Bom dia João:

    It´s a wonderful world, isn't it ?

    Beijo calimero

     
  • At 12:44 da tarde, Blogger alquimista said…

    Este comentário foi removido pelo autor.

     
  • At 12:48 da tarde, Blogger alquimista said…

    Boa tarde Maria:

    Quanto à cultura americano, estamos conversados.

    Mas nós, europeus, não temos que nos queixar. Afinal, fomos nós que os inventamos.

    Boa semana europeia

     

Enviar um comentário

<< Home