O alquimista

NEM TRANSMUTAÇÃO DE METAIS NEM ELIXIR DA LONGA VIDA - A PEDRA FILOSOFAL AO PODER

quinta-feira, março 29, 2007


O fascínio exercido pelo falo não diz respeito apenas ao poder. É uma fonte luminosa de mistério.


O orgão é relativamente pequeno mas o mito é grande, e é o mito que é tão importante para a busca da imaginação e da alma por significados.


Curiosamente, os antigos romanos usavam a palavra "fascinatione" para se referirem a um amuleto em forma de pénis usado ao redor do pescoço para espantar o mau-olhado.
THOMAS MOORE

PRAIA DA FALÉSIA

3 Comments:

  • At 9:54 da tarde, Blogger MJ said…

    Ó Alquimista!

    Mas como é? Isto agora virou blog erótico? Fala-se em Eros, fala-se em falo... até a foto (nada inocente!!) é da praia da Falésia!! Claro que só pode ser uma palavra derivada de falo!

    Benhe... bamos lá a bere se num é preciso fazer aqui uma reza pra môde afugentar espritos maliganos!

    Veijo falacioso*

     
  • At 10:04 da tarde, Blogger alquimista said…

    Pois é Joonhe, não é disto que o puabo gosta ?

    Ao puabo o que é do puobo!!!

    Beijo prapular

     
  • At 1:00 da manhã, Anonymous NOVIÇA DE GEOLOGIA (MAL) APLICADA said…

    MJ

    TIRASTE-ME AS PALAVRAS DAS TECLAS...

    EU IA A DIZER PRECISAMENTE QUE ANTES É PRECISO MUITA FALA MANSA ANTES DE SE CHEGAR AO FALO NA FALÉSIA...

    HMMMM... ESTE BLOG Q ERA UM MODELO DE VIRTUDES... DEGENEROU... NO MELHOR PANO CAI A NÓDOA... JÁ TARDAVA...
    VAI SER PRECISA MUITA AUTOFLAGELAÇÃO DO AUTOR PARA SAIR DESTES MAUS CAMINHOS PANTANOSOS...

    BEIJO EXCOMUNGANTE...

     

Enviar um comentário

<< Home